quarta-feira , setembro 18 2019
Home / seguro / Quando posso acionar meu seguro de vida?

Quando posso acionar meu seguro de vida?

O seguro de vida é um serviço que deve estar a sua disposição quando necessário. É importante que você conheça todo o processo burocrático da empresa para não ter problemas na hora da necessidade. Mas afinal, quando posso acionar meu seguro de vida?

Muito se fala sobre os cuidados na hora da contratação, como escolher o melhor plano e a melhor empresa. Mas a verdade é que nada disso vai valer se você não souber acionar o seguro quando necessário.

Nesse artigo vamos explicar tudo sobre a solicitação da indenização, e ajudar você a encontrar a resposta: quando posso acionar meu seguro de vida?

Quando posso acionar meu seguro de vida

Quando posso acionar meu seguro de vida? Descubra o que fazer na hora da necessidade

É claro que quando fazemos um seguro de vida, esperamos realmente não precisar acionar os serviços tão logo. Mas se isso acontecer é importante que você saiba: quando posso acionar meu seguro de vida.

Existem muitas situações em que você poderá solicitar a indenização. Isso vai variar, claro, do tipo de contrato que você fechou, das clausulas contratuais e do que a sua seguradora cobre. De modo geral, o seguro de vida pode ser acionado diante das seguintes situações:

  • Morte natural;
  • Morte acidental;
  • Diagnóstico de invalidez total ou parcial por acidente;
  • Diagnóstico de invalidez total ou parcial por doença;
  • Incapacidade temporária (internação, tratamentos etc).
  • Morte de cônjuge – desde que esteja na apólice como dependente;
  • Morte de filho – desde que esteja na apólice como dependente;
  • Auxílio funeral;
  • Doenças graves.

Essas são algumas das situações mais comuns em que você pode acionar a seguradora solicitando auxílio. Essa cobertura pode variar de acordo com a sua contratação, e com a cobertura oferecida pelo contrato.

É muito difícil acionar o meu seguro de vida? Como faço quando precisar disso?

De modo geral, as seguradoras facilitam muito esse processo, pois sabem que no momento da necessidade o segurado precisa do dinheiro com urgência. Sendo assim, são solicitados alguns documentos básicos para que o auxílio aconteça.

Além dos documentos normais – RG, CPF, Comprovantes de residência e de pagamento – que provem a sua titularidade no seguro, também serão requeridos alguns comprovantes emitidos por profissionais capacitados. O que isso significa?

Se você teve um problema médico, deverá ter em mãos um laudo médico que comprove o quadro. Se o caso foi um acidente, precisa ter um boletim de ocorrência ou outra comprovação da situação formalizada e etc.

  • Aposentadoria por invalidez serve como comprovante?

Não! Quem recebe algum benefício por invalidez emitido por órgãos oficiais da previdência – como o INSS – precisa de outras comprovações a respeito da condição. Por si só, essa declaração não serve para acionar o seguro.

  • Inquérito policial:

O mesmo acontece com inquérito policial. A seguradora deverá solicitar outros documentos que comprovem a necessidade de acionar o benefício além do inquérito expedido pela polícia, seja ele concluído ou em andamento.

No caso de invalidez definitiva, o seguro só é liberado após o laudo final, ou seja, aquele que ateste que a pessoa realmente não tem mais condições de trabalhar a partir daquele momento. Laudos inconclusivos não terão validade.

Conheça as condições de sua seguradora antes de fechar a contratação

A melhor forma de responder a pergunta “Quando posso acionar meu seguro de vida?” é: conheça muito bem o serviço e o contrato oferecido. Diante de qualquer dúvida você também pode buscar auxilio com o corretor.

Com esse guia, esperamos ter lhe ajudado a entender “Quando posso acionar meu seguro de vida?”. Acesse o site FRIZZERA e peça um orçamento de seguros para fazer a melhor contratação.

Sobre compagniehelianthe

Veja também

Quais as obrigações do plano de saúde?

Ao escolher um plano de saúde individual, para a família ou funcionários de uma empresa, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *